O Flamengo, se nada mudar na Justiça, vai exibir hoje um jogo exclusivo do Campeonato Carioca na FlaTV pelo YouTube, Facebook e Twitter. É o duelo contra o Boavista, a partir das 21h30 (horário de Brasília). A Globo ainda pode barrar a transmissão se conseguir uma vitória de última hora nos tribunais.

A situação ocorre porque a MP 984, assinada em junho pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), deu ao mandante o direito exclusivo de determinar quem transmite uma partida. Pela Lei Pelé, em vigor desde 1998, essa decisão cabia aos dois times em campo. Na prática, uma emissora só podia transmitir se tivesse contratos com as duas equipes que se enfrentavam.

LEIA MAIS: Quanto vale um ponto de audiência do futebol no Ibope?

O Flamengo, então, único time sem contrato com a Globo pelos direitos de transmissão do Carioca, entendeu que pode exibir suas partidas em transmissões próprias quando fosse mandante. Da mesma forma, liberou a emissora a exibir seus jogos como visitante. A Globo, por sua vez, se recusou justamente para não abrir precedente de mudança nos contratos em vigor.

Por trás dessa briga toda, há a emissora de maior audiência no Brasil e o clube que mais rendeu audiência a ela no Rio de Janeiro nos últimos anos. O Blog do Allan Simon preparou um vídeo com os dados do Ibope de 2019 e 2018 que mostram o tamanho da distância que o Flamengo possui nos índices de audiência da Globo RJ em relação aos rivais. Confira:

O time rubro-negro teve nada menos que as 25 maiores performances de audiência na Globo RJ em 2019, um ano que ficou marcado pelas conquistas dos títulos do Campeonato Carioca, da Libertadores e do Campeonato Brasileiro, além da participação com o vice-campeonato no Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro.

Além de seu potencial com a maior torcida do país, o clube viveu uma verdadeira lua de mel com a massa rubro-negra na temporada 2019. Foram três títulos importantes em um mesmo ano. O resultado não poderia ser diferente: média de 34,2 pontos de audiência no Ibope.

O domínio do Flamengo na Globo RJ em 2019 foi tão grande, que a média geral do futebol de clubes na emissora, que foi de 27,3 pontos na temporada, cairia para 21,8 se considerássemos apenas os outros jogos.

Claro que aí entram questões como o time flamenguista ter sido um dos maiores vencedores de um mesmo ano, disputou decisões em quatro campeonatos, etc.

Este levantamento considerou apenas jogos transmitidos pela TV Globo em sua emissora própria na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Cada ponto no Ibope em 2019 representou 46.175 domicílios com TV, ou 118.440 pessoas.

CONHEÇA NOSSO NOVO CANAL NO YOUTUBE

LEIA MAIS
– Brasileirão na TV: qual seria o modelo ideal para venda dos direitos?
– Análise: Globo terá que incentivar liga de clubes se MP do Futebol virar lei
– SBT x Globo: a briga histórica que marcou o Paulistão 2003
– Análise: Fusão entre ESPN e Fox Sports é uma boa para o mercado?
– 50 anos do Tri: Como a Copa do Mundo de 1970 chegou aos brasileiros pela TV
– Palmeiras x Corinthians, 1993: Quanto custavam ingressos e prêmios dos clubes
–  Como eram os estádios de São Paulo há 62 anos por imagens de satélite  
– Quanto valiam os patrocínios dos clubes no Brasileirão 1994 em dinheiro de hoje?