O Paulistão 2020 começa hoje a fase de quartas de final com duas partidas. São Paulo x Mirassol, no Morumbi, às 19h, e Palmeiras x Santo André, às 21h30, definem os primeiros semifinalistas. Mas não saberemos ainda no fim desta noite a ordem dos confrontos na próxima fase. É que o torneio tem um regulamento diferente para o cruzamento no mata-mata.

As quartas de final foram definidas com base nos grupos da primeira fase. Como os times não se enfrentaram dentro da própria chave nas 12 rodadas do estágio inicial do Paulistão 2020, o primeiro duelo eliminatório opõe justamente o líder e o vice-líder de cada uma delas, em um jogo inédito na competição.

Na semifinal, vai prevalecer a classificação geral de pontos da primeira fase, somada ao desempenho do clube classificado nas quartas de final. Se um time obteve, por exemplo, 25 pontos na fase de grupos, e se classificou com um empate e vitória nos pênaltis das quartas de final, ele vai com 26 pontos na conta. Quem tiver mais pontos enfrenta quem fez menos. E os outros dois se encaram pela outra vaga na final.

O dono da melhor campanha na primeira fase foi o Red Bull Bragantino, com 23 pontos. Se vencer o Corinthians amanhã, às 19h, no tempo normal, a equipe de Bragança Paulista fará 26 pontos e terá certeza de enfrentar o semifinal que tiver a menor pontuação entre os quatro que restarem na luta pelo título.

INSCREVA-SE EM NOSSO NOVO CANAL NO YOUTUBE

Mas se vencer nos pênaltis, por exemplo, o Red Bull Bragantino embarcará para a semi com 24 pontos na conta. O Palmeiras terminou a primeira fase com 22 e poderia ultrapassar o time com uma vitória no tempo normal hoje diante do Santo André.

Neste caso, é o Verdão quem enfrentaria o time com a menor pontuação, sobrando para o clube de Bragança encarar o terceiro colocado, havendo ainda a chance de ser ultrapassado pelo São Paulo, que fez 21, poderia bater o Mirassol em 90 minutos, e levar vantagem no saldo de de gols. Nessa simulação, o duelo continuaria sendo entre Red Bull Bragantino e São Paulo, mas o critério de desempate serviria para definir o mando do jogo na semifinal.

Já o Santo André, que somou 20 pontos na chave, poderia vencer o Palmeiras no Allianz Parque no tempo normal, chegando a 23 pontos. Em um cenário com vitórias em 90 minutos de Red Bull Bragantino, São Paulo e Santos, o Ramalhão encararia o Tricolor na semifinal, enquanto a outra vaga ficaria entre o time do interior e o Peixe.

Corinthians, Santos e Ponte Preta fizeram bem menos pontos. Peixe e Macaca se enfrentam entre si. Quem avançar provavelmente terá a pior campanha entre os semifinalistas, exceto no cenário em que a equipe da Vila Belmiro vence no tempo normal, e chega aos 19 pontos, e o Timão elimina o Red Bull Bragantino nos pênaltis, chegando a 18.

Nesse outro cenário, se Palmeiras e São Paulo vencerem nos tempos normais ou mesmo nos pênaltis, as semifinais ficariam Palmeiras x Corinthians, São Paulo x Santos. Modificando apenas a vitória corintiana para o tempo normal, aí a inversão faz com que os jogos sejam Palmeiras x Santos, São Paulo x Corinthians.

Na hipótese de todos os grandes se dando mal nos pênaltis, por exemplo, as semifinais do Paulistão 2020 ficariam com Red Bull Bragantino x Ponte Preta, Santo André x Mirassol.

O Santo André tem chance de se classificar como o melhor semifinalista caso Red Bull Bragantino e São Paulo sejam eliminados, independentemente de como o time passar pelo Palmeiras. Nesse caso, provavelmente enfrentaria a Ponte Preta, enquanto a outra semifinal seria entre Corinthians e Mirassol.

Há ainda outro cenário, no qual o Ramalhão bate o Palmeiras necessariamente no tempo normal, chegando a 23 pontos. O Red Bull Bragantino teria que ser eliminado. O São Paulo até poderia avançar sobre o Mirassol, mas nos pênaltis, ficando com 22. O time do ABC neste caso enfrentaria o pior classificado entre Corinthians e Santos/Ponte Preta. O melhor entre esses pegaria o Tricolor.

O equilíbrio da tabela gerou uma situação bastante complicada para prever os cruzamentos das semifinais do Paulistão 2020. A soma de pontos na classificação não para nesta fase. O mando do jogo de volta da final será da equipe que chegar à decisão com mais pontos também. E os duelos da semi também entram na conta.

LEIA MAIS 

– Paulistão: audiência da Globo na fase de grupos cresce 4,3% em 2020
– Paulistão 2020: quais são os jogos das quartas de final
– Veja quanta audiência o Flamengo deu na Globo RJ em 2019
– Futebol sem Globo: relembre casos que ficaram marcados na História
– Brasileirão na TV: qual seria o modelo ideal para venda dos direitos?
– Análise: Globo terá que incentivar liga de clubes se MP do Futebol virar lei
– SBT x Globo: a briga histórica que marcou o Paulistão 2003