O dia 13 de outubro de 1977 entrou para a história do Corinthians pela vitória sobre a Ponte Preta por 1 a 0, no eterno gol de Basílio que encerrou um jejum de quase 23 anos sem títulos. A conquista do Paulistão naquele ano foi consolidada após três duelos Corinthians x Ponte Preta na decisão. Triunfo por 1 a 0 no primeiro, derrota por 2 a 1 para a Macaca no segundo, e novamente o placar mínimo favorável no terceiro. Todos no Morumbi.

Para recordar os 42 anos da conquista do time alvinegro no Campeonato Paulista, um feito que alguns corintianos consideram como o maior da história do clube mesmo após títulos como Mundial de Clubes, Libertadores e Brasileiro, o Blog do Allan Simon traz aquele Corinthians 1 x 0 Ponte Preta para a seção “Quanto Custava?”.

Uma consulta rápida aos arquivos dos jornais Folha de S.Paulo e O Estado de S. Paulo nos dias que antecederam ao duelo final já nos fez encontrar os valores cobrados nas três categorias disponíveis de ingressos para aquele jogo. As arquibancadas custavam Cr$ 20. Numeradas inferiores saíam por Cr$ 80. E as numeradas superiores do estádio são-paulino chegam a Cr$ 100 (veja aqui uma foto do ingresso da época)

Como sempre fazemos, a missão seguinte é atualizar esses valores com conversão de moedas e índices inflacionários. Como o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), medido pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e considerado como inflação oficial atualmente, começou apenas em janeiro de 1980, precisamos utilizar o IGP-DI (Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna), medido pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) desde fevereiro de 1944.

Considerando a inflação entre outubro de 1977 e setembro de 2019 (praticamente 300 trilhões por cento), e fazendo as conversões do cruzeiro daquela época para o real de hoje com uma calculadora do Banco Central do Brasil, chegamos aos seguintes preços atualizados dos ingressos daquela final Corinthians x Ponte Preta:

Arquibancadas: R$ 21,82
Numeradas inferiores: R$ 87,26
Numeradas superiores: R$ 109,08

Mesmo com as oscilações da moeda e da nossa economia, os valores numéricos ficaram bem parecidos. O salário mínimo vigente em outubro de 1977 era de Cr$ 1.106,40, equivalente a R$ 1.206,86 atuais. O mínimo de hoje é de R$ 998. 

O preço de um ingresso de arquibancada na época era equivalente a 1,8% do salário mínimo. O mais caro, das numeradas superiores, chegava a 9%. O problema é que muita gente acabou refém de cambistas naquela decisão, e os preços ficavam muito mais altos.

O formato da final, em melhor de três jogos, foi criticado também por fazer o torcedor gastar com ingresso e condução três vezes para ir ao Morumbi, especialmente os que saíam de Campinas para apoiar a Ponte Preta. A conta poderia chegar a meio salário mínimo da época para ver a decisão completa.

A renda do último Corinthians x Ponte Preta, segundo dado disponível no site da FPF (Federação Paulista de Futebol), foi de Cr$ 3.325.470,00. O público pagante foi de 86.677, mas tinha passado dos 138 mil no segundo jogo. A renda da finalíssima em valores atuais seria de R$ 3.609.378,16.

Confira o gol do título em Corinthians x Ponte Preta na narração de Osmar Santos:

Ouça a íntegra da narração de Osmar Santos naquela decisão:

LEIA MAIS
– Quanto custava um ingresso para a inauguração do Morumbi em 1960? 
– Corinthians x Palmeiras: quanto custavam os ingressos da final do Brasileirão de 1994?

SIGA AS NOSSAS REDES SOCIAIS:

Twitter: https://twitter.com/allansimon91

Facebook: https://www.facebook.com/jornalista.allansimon/